Página Principal Revista EBS

Análise de resultados: Ainda dá tempo de rever as estratégias de negócios de 2022?

Foto: Pixabay
Agora é um excelente momento para avaliar os erros e acertos até aqui

Publicado em 14/08/2022

Já passamos da metade do ano de 2022 e este é um excelente momento para avaliar as estratégias e resultados obtidos nos nossos negócios até aqui. Erros e acertos fazem parte do processo, porém o mais importante é entender que não existe fórmula mágica (receita de bolo) e que devemos sempre nos permitir recomeçar. Se os seus planos não saíram conforme o esperado, não entre em pânico, ainda dá tempo de mudar!

Como consultora in company, vivo o dia a dia de muitas empresas e gestores do setor hoteleiro e outros serviços. Durante a minha trajetória profissional, já passei por diversos momentos de instabilidades econômicas que trazem sempre muitas incertezas para os negócios.

E foi assim também neste ano. Começamos 2022 com muita desconfiança, mas agora podemos perceber uma importante recuperação do setor, principalmente graças ao avanço da vacinação contra a Covid-19 e o fim das restrições de eventos, viagens etc.

No setor hoteleiro, vemos muitas notícias otimistas sobre o crescimento do setor em diversas regiões do país.

Mas, assim como a procura por hospedagem tem aumentado, a concorrência também. Hoje os hotéis disputam a preferência dos clientes não apenas entre eles, mas também com novidades que têm atraído cada vez mais o interesse das pessoas, como Airbnb, imóveis residenciais com serviços, entre outros.

Vivemos um momento de mudança no perfil do consumidor, que está ainda mais globalizado e disposto a ter novas experiências, principalmente quando se trata da nova geração. E isso vale não só para a hotelaria, mas para todos os setores.

Do lado de cá, os hoteleiros hoje trabalham com times enxutos, profissionais que ficaram afastados do mercado na pandemia ou até mesmo gente com menos experiência.

O investimento em pessoas é urgente!

Dito isso, voltemos à questão inicial deste texto. O que você tem feito de diferente para alcançar resultados expressivos no seu negócio? Em um mercado tão competitivo, oferecer o mesmo de sempre ou apenas o básico tem trazido o retorno que você deseja?

Um equívoco recorrente que observo é empresas deixarem a qualificação e o desenvolvimento das equipes em segundo plano. Preparar o seu time de gestores, vendedores, atendentes e outros colaboradores é tão importante quanto investir em tecnologia, marketing, estrutura…

Tudo faz parte da estratégia dos negócios.

No entanto, incluir no budget a linha de treinamento e desenvolvimento é um dilema que muitas empresas vivem. Assustados com o custo, deixam para depois. E essa espera pode ser justamente o que está impedindo a sua equipe de alcançar os resultados que você tanto deseja.

A forma como você prepara a sua equipe está diretamente relacionada à taxa de satisfação do cliente, conversão em vendas, etc.

É preciso visualizar o desenvolvimento da equipe como ativo para concretizar o objetivo do resultado através das pessoas.

Não basta oferecer a melhor cama, o banho mais gostoso e comprar os ingredientes de melhor qualidade para o café da manhã se as pessoas que vão cuidar de tudo isso não forem treinadas, capacitadas e preparadas para entregar o serviço com qualidade.

Pense nisso e reformule seu planejamento para o segundo semestre. Vai colher frutos já na próxima temporada de férias.

Relacionados

ABEOC Brasil lança Jornada de Líderes – programa de gestão exclusivo

Dados da Fazenda sobre o PERSE estão incompletos – números apresentam custo efetivo menor

Encontro Anual Sponsors | Brasil da APBR: Conectando Profissionais e Impulsionando Inovações no Mercado de Patrocínios

Investir nas mulheres no segmento MICE: em tempo para acelerar o progresso dessa indústria