Página Principal Revista EBS

Como ser pequeno e médio empresário no Brasil no pós-pandemia

Foto: Freepik
Vencedor do prêmio em Gestão pelo RD Station recebe cerca de oitocentos empresários de pequenas e médias empresas em evento no espaço Transamérica, em São Paulo

Publicado em 03/12/2021

O Brasil ainda registra altos índices de empresas que decretam falência nos primeiros anos de vida. Segundo dados divulgados pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) cerca de 80% das empresas no país não conseguem sobreviver após 10 anos de atividade. O estudo ainda não reflete os impactos da pandemia, que trouxe uma série de dificuldades para os negócios a partir de 2020. E se tratando do cenário atual, de possível recuperação da economia no pós-pandemia, os empresários se veem diante de uma situação ainda mais desafiadora, o que exige muito planejamento para buscar um caminho de estabilidade nos negócios diante dos riscos apresentados.

Marcelo Germano, vencedor do prêmio Mindshifters pelo RD Station na categoria Vendas – Gestão, especialista em gestão empresarial e  idealizador do método do EAG (Empresa Autogerenciável) comenta que, via de regra, os empresários não têm as competências necessárias para fazer com que as empresas tenham resultados, algo de grande importância para sobreviver neste mercado competitivo, ainda mais se tratando de um momento pós-pandemia.

De acordo com levantamento feito pelo Sebrae, com base nos dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados), do Ministério da Economia, no acumulado do ano de 2021, as micro e pequenas empresas figuram com aproximadamente 70% dos postos de trabalho gerados no país. Dos 2,2 milhões de vagas criadas nos oito primeiros meses de 2021, mais de 1,5 milhão são dos pequenos negócios, contra 507 mil das médias e grandes empresas. Marcelo Germano comenta que os países que são fortes economicamente têm como base pequenas empresas fortes. Ele cita que esses empresários são os diamantes do Brasil, visto que geram postos de trabalho e educam os milhões de colaboradores que empregam:

“Sempre digo que são os empresários do Brasil que vão fazer um país melhor, não apenas os políticos. Mas sim, os donos de empresas que são realmente os futuros líderes. Sabendo que de cada 10 empregos formais, 7 são gerados pelas pequenas empresas. O país só cresce quando você tem pessoas comprometidas com o trabalho, qualquer coisa diferente disso não é real – e quem vai fazer isso são os líderes, os donos das empresas. E, afinal, a grande empresa nada mais é que a pequena que fez a coisa certa.”

Evento para pequenos e médios empresários  – Imersão EAG

Marcelo Germano (idealizador do método EAG), vencedor do prêmio Mindshifters pelo RD Station na categoria Vendas – Gestão, sedia o evento Imersão EAG, em São Paulo – capital, e recebe cerca de 800 empresários em um grande plenário no Centro de Convenções Transamérica. Em seus treinamentos e método de ensino, Marcelo Germano auxilia donos de pequenas e médias empresas a acabar com o caos das empresas através de uma equipe autogerenciável. Ele fala sobre a temática dos desafios dos donos de empresas no período pós-pandemia no Brasil. E também comenta sobre a “solidão do poder” dos líderes de empresas ao gerenciar os negócios nesta fase que estamos vivenciando na economia.

Prêmio Mindshifters: Mentes que Transformam

Marcelo Germano foi o vencedor no mês de novembro de 2021 na categoria Vendas – Gestão do Prêmio Mindshifters: Mentes que Transformam, promovido pelo RD Station – líder no desenvolvimento de software para pequenas e médias empresas.

Foram mais de 700 indicações que culminaram com 10 nomes na área de marketing e 10 nomes na área de vendas.

De acordo com os idealizadores do prêmio, eles são destinados para profissionais que inovam, levantam discussões importantes, constroem comunidades, desafiam padrões, democratizam informações. Gente que inspira, provoca e contribui para a evolução do mercado e da sociedade.

Marcelo Germano – Foto: Divulgação

Evento Imersão – EAG

8 a 10 de dezembro de 2021

Horário: das 9h às 20h

Local: Transamérica Expo Center – São Paulo/SP

Para mais informações, acesse: https://empresaautogerenciavel.com.br/sobre-nos/

Relacionados

Linguagem inclusiva: da vida para a língua

Peru é o país convidado para o Congresso Brasileiro de Live Marketing

Alagev dá início à Jornada Virtual pré-LACTE com cerca de 180 participantes

Aceleração da transformação e ESG no Congresso Brasileiro de Live Marketing

Centro de Convenções Rebouças é palco da ABSOLAR, evento que debate os avanços da energia solar

Plataforma investe em hub para discutir marketing e comunicação no Nordeste

AMPRO adere a movimento do setor de eventos contra o veto 19/2021

Linha de crédito de R$ 408 milhões para o setor de eventos de cultura e entretenimento