Página Principal Revista EBS

Profissionais de eventos pedem ajuda na Holanda

Foto: Sem Van Der Wal/ANP/AFP
Após se alinharem e formarem a palavra 'Help' os participantes caíam como dominós para representar a queda do setor no país.

Durante ato realizado esta semana, em Haia, na Holanda, cerca de 500 profissionais do setor de eventos deitaram na grama em Malieveld e formaram a palavra ‘Help’ (Ajuda), para destacar a difícil situação e a falta de trabalho na indústria de eventos no país, devido ao bloqueio e o número controlado de pessoas com permissão para se reunir, medidas impostas para conter a propagação do novo coronavírus.

Assim como em outras partes do mundo, o setor de eventos foi duramente atingido pela pandemia de Covid-19 na Holanda. De acordo com a associação comercial Eventplatform, atualmente se fala em ‘código vermelho’ no setor. Sendo que menos de 2 bilhões de euros serão convertidos no setor de eventos este ano, enquanto o faturamento anual do setor normalmente fica em torno de 7,4 bilhões de euros. 

O local escolhido para o protesto é um grande campo de grama no centro da cidade, localizado em frente à estação ferroviária central. O campo é amplamente conhecido na Holanda por ser o local de manifestações em larga escala. Também é usado para festivais, festas, shows e outros grandes eventos.

Fonte: Estadão / nrc.nl

Relacionados

CMO Summit reúne os principais nomes do marketing

ABAV detalha ações para a retomada

Aprovada urgência para o Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos

ABEOC Brasil em missão em Brasília pelo socorro ao setor de eventos

Empresa de tecnologia para eventos organiza a distribuição de vacinas Pfizer

Governo de SP anuncia ajuda de R$ 125 milhões em crédito e inclui setor de eventos

Foto: Divulgação

ABEOC Brasil, UBRAFE e ABRACE lançam movimento nas mídias sociais

Mais restrições aos eventos em São Paulo com reclassificação de fase