Página Principal Revista EBS

Eventos geram impacto de 11 bilhões na economia de São Paulo

Foto: Freepik
Os dados são do primeiro levantamento quantitativo anual sobre o setor de eventos com foco na geração de negócios no estado de SP.

Publicado em 02/08/2023

A UBRAFE (União Brasileira de Feiras e Eventos de Negócios) em parceria com a São Paulo Turismo (SPTuris) acaba de registrar o primeiro levantamento quantitativo anual sobre o setor de eventos com foco na geração de negócios – feiras, congressos e convenções no Estado de São Paulo, sem nenhuma interferência da pandemia. A nova edição do Barômetro Eventos B2B atualiza a primeira edição do levantamento, divulgada em março desse ano, que apresentou o balanço positivo do segundo semestre de 2022 considerando o primeiro semestre sem nenhuma influência da pandemia desde 2019.

O universo da última coleta são os mais de 70 associados da UBRAFE – empresas promotoras de eventos, fornecedores especializados e as venues/recintos dos eventos -, com números representando os eventos com foco na geração de negócios ou B2B (Business to Business), que quando atraem mais de 700 pessoas cada um são considerados de grande porte. Os eventos que atraem mais de 5 mil pessoas cada um são classificados como Mega eventos. Os números deste levantamento da UBRAFE levam em conta somente os eventos de grande porte e mega.

Paulo Octávio Pereira de Almeida (P.O.) – diretor-executivo da UBRAFE

“A expectativa para 2024 é de ampliar este índice para outras cidades e regiões do Brasil, por meio de novas parcerias e do trabalho das diretorias regionais da UBRAFE recém implementadas. Uma análise mais completa e ampla que considere outras capitais será capaz de demonstrar o peso do mercado de eventos no Brasil”, pontua o diretor-executivo da UBRAFE, Paulo Octávio Pereira de Almeida (P.O.).

Análise de junho/2022 a junho/2023

Os resultados da nova análise anual registraram 1.231 eventos B2B acima de 700 participantes na cidade de São Paulo entre junho de 2022 e junho de 2023, atraindo 8 milhões de visitantes/participantes únicos. Foram 579 eventos apenas de janeiro até junho deste ano. Do total dos eventos realizados, 57% tiveram o foco corporativo (reuniões e seminários de empresas), atraindo 18% do público total. As feiras de negócios apresentaram 19% do total, mas conseguiram atrair mais de 70% dos participantes. Já os congressos e conferências são 24% da quantidade, tendo atraído 11% dos participantes de eventos B2B.

“A análise confirma algumas características do setor de eventos com foco na geração de negócios. Grandes feiras setoriais ainda são a forma mais visível e impactante dos eventos B2B; os eventos corporativos, apesar de serem líderes em quantidade, não possuem a mesma visibilidade das feiras assim como os congressos e convenções de vendas, mas atraem um público muito qualificado mesmo sendo apenas 11% do seu total”, destaca P.O.

As expectativas econômicas para o segundo semestre de 2023 na cidade de São Paulo, com base nas projeções em cima do Barômetro, é um impacto econômico na cidade de São Paulo de no mínimo de R$ 7 bilhões, sendo previsto mais de 700 eventos de grande porte e 5 milhões de visitantes esperados nesses eventos e feiras B2B. 

Ativação da cadeia de fornecedores

Os eventos B2B impactam durante o ano pelo menos 52 setores diferentes, incluindo a sua infraestrutura, como hotéis, espaços para eventos, restaurantes, meios de transportes, mão de obra especializada para a produção e gestão dos eventos e feiras, incluindo equipes de produção, montadores de stands, seguranças, recepcionistas, equipes de limpeza etc.

O impacto econômico estimado na cidade de São Paulo, causado pelos eventos B2B, foi de R$ 18 bilhões de reais, isso inclui gastos tanto das pessoas que vivem no estado de São Paulo, (70% do total dos participantes), assim como dos turistas de negócios vindos de outros estados e do exterior, ao todo 30% do total. Portanto dos 8 milhões de visitantes únicos no período analisado 2,4 milhões de pessoas (30%) tiveram que viajar para a cidade de São Paulo e ativaram toda uma cadeia de hospitalidade e serviços localizada na capital Paulista. Para o 2º semestre 2023 as expectativas da UBRAFE são de R$ 7 bilhões de impacto econômico na cidade de São Paulo.

Relacionados

ABEOC Brasil lança Jornada de Líderes – programa de gestão exclusivo

Feira EBS 2024 anuncia 95% das áreas comercializadas e destaca patrocinadores

Dados da Fazenda sobre o PERSE estão incompletos – números apresentam custo efetivo menor

Encontro Anual Sponsors | Brasil da APBR: Conectando Profissionais e Impulsionando Inovações no Mercado de Patrocínios