Página Principal Revista EBS

Governo do RS publica decreto autorizando retorno dos eventos no estado

Foto: Foto: Gustavo Mansur / Palácio Piratini
Decreto libera a realização de eventos comerciais e corporativos

Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul, anunciou que irá publicar nesta segunda-feira (21), um decreto que autoriza a realização de eventos corporativos e comerciais no estado. A decisão ocorreu após uma série de reuniões, estudos e eventos-teste.

“No primeiro momento, estamos avançando na liberação de feiras, exposições corporativas e comerciais, seminários, congressos, convenções, simpósios, palestras, reuniões corporativas, oficinas, treinamentos e cursos”, afirmou o governador.

Entretanto, eventos sociais e comemorativos – como casamentos e festas de 15 anos – seguem vedados em solo gaúcho. A nova flexibilização foi anunciada na mesma semana em que o Executivo decretou a liberação de práticas esportivas coletivas, sem público, em quadras fechadas. 

Os eventos comerciais e corporativos precisam atender uma série de protocolos de segurança. Dentre eles, limitação de pessoas, distanciamento social, sistema de ventilação de ar e uso de itens de proteção individual. Para isso, a Secretaria Estadual de Saúde (SES) deverá publicar uma portaria específica de orientação aos protocolos.

De acordo com Leite, a liberação de feiras não difere de outras atividades já autorizadas no Estado. “Entendemos que podemos dar um passo em relação a este tema tendo em vista a repercussão econômica. O que a gente observa é que a atividade de feira, com regras e protocolos, não se difere muito de um shopping center”, destacou.

As atividades que serão liberadas estão divididas em três grupos:

• Feiras e Exposições corporativas e comerciais
• Seminários, congressos, convenções, simpósios, conferências, palestras e similares
• Reuniões corporativas, oficinas, treinamentos e cursos corporativos

Fonte: Correio do Povo

Relacionados

Texto-base do projeto de ajuda ao setor de eventos é aprovado

Setor de eventos perde R$ 270 bilhões durante a pandemia

Inglaterra prevê a retomada de eventos para 21 de junho

ABAV detalha ações para a retomada

Aprovada urgência para o Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos

ABEOC Brasil em missão em Brasília pelo socorro ao setor de eventos

Foto: rawpixel.com / Freepik

Programa Emergencial de Retomada do Setor de Eventos – PERSE

Mais restrições aos eventos em São Paulo com reclassificação de fase