Página Principal Revista EBS

Estudo aponta tendências para promoções em 2020

(Foto: Ilustrativa)
Levantamento traz informações sobre o crescimento das promoções, comportamento do consumidor e tendências para 2020

O novo levantamento “Promoção em 2020, entendendo o cenário, mapeando as tendências”, divulgado pela Casa 96, revela que a combinação entre prêmios, mecânicas, meios, mensagens e expectativas é o segredo da aproximação entre marcas e consumidores. Ou seja, não é sobre como vender, e sim como conquistar.

O estudo, que resulta de mais de 10 pesquisas com até 30 mil participantes de todo o País, traz dados do crescimento anual no número de promoções aprovadas e mais prêmios sendo distribuídos. Foram mais de R$ 500 milhões em prêmios gerados em 2018, um aumento de 40% em relação aos dados de 2017. Segundo o levantamento, a Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria (SECAP) do Ministério da Economia, que autoriza as promoções comerciais, houve um aumento de 20% de autorizações em 2019 comparado com o ano anterior. A expectativa do mercado é bater recordes de promoções autorizadas em 2020.

Os dados apurados também pela Casa 96 também mostram um mercado promocional mais consolidado e com maior maturidade digital, que promove KPIs (Key Performance Indicator – métricas de mensuração de desempenho) importantes para as marcas, com capacidade de coletar dados comportamentais que direcionam as estratégias. “Temos um mercado apto a ajudar os clientes na direção do melhor caminho, tanto em relação à concorrência, como entender os desejos do seu público, formas de aumentar o volume de vendas, exposição, de fidelizar etc”, enfatiza a sócia-diretora da agência Casa 96, Denise de Cássia.

Mudança de comportamento

A mudança no comportamento do consumidor nos últimos anos também foi essencial para a escolha das melhores mecânicas promocionais. O estudo também mostra desde a força dos sorteios com grandes prêmios e premiações instantâneas, em 2017, até a evolução das mecânicas com experiência inserida, como tendência para 2020, com a expectativa do aumento do engajamento.

As promoções continuam sendo incentivadoras das vendas para a maioria do público: 55% compram mais produtos do que tinham planejado para participarem de uma promoção e 81% trocam de marca para participarem de uma promoção. Um dos dados que chamaram a atenção no estudo foi que, em 2019, o comportamento dos consumidores mostrou que eles não estocam mais produtos.

Promocionar já não é mais o suficiente, revela o levantamento. Os consumidores passam a ter uma relação mais emocional com as marcas, e, portanto, é imprescindível promover oportunidades e momentos que transformam, usando a experiência como fator de proximidade. “As marcas assumem cada vez um papel mais importante na vida dos consumidores. Elas confortam, influenciam positivamente, e ajudam na construção de um vínculo relevante e duradouro com as marcas”, reforça o sócio-diretor da agência, Caio de Carvalho.

Meios mais usados, características e propósitos

Denise de Cassia e Caio de Carvalho, da Casa 96 (foto: Divulgação Casa 96)

Sobre os meios usados para a participação em promoções, a pesquisa observou o crescimento do WhatsApp. “Prevemos a consolidação da ferramenta para 2020, inclusive como um meio de relacionamento com os clientes”, observa Denise.

Já sobre a característica dos prêmios, a preferência nacional deve continuar pelos prêmios de menor valor, com mais chances de ganhar. Em 2019, a preferência por esta modalidade chegou a 70%, contra 30% pelos prêmios maiores. Casas, carros e valores em dinheiro ainda estão entre as premiações mais desejadas. Se o prêmio não estiver ligado às principais necessidades – casa, carro ou dinheiro – deve surpreender, ser inusitado ou estar relacionado ao estilo de vida, diz o estudo.

Em 2019, as premiações com viagens também conquistaram os consumidores e outras tendências passam a despontar para 2020, como as experiências, fator que aumenta consideravelmente o índice de lembrança da marca.

Marcas que mostram preocupações sociais e propósitos relevantes também passam a ter maior conexão com seus públicos: 74% dos consumidores disseram que a chance de participar de promoções aumenta quando houver um propósito sustentável ou de ajuda ao próximo.

Leia também:

Apostando na inovação e no poder das marcas

As redefinições de consumo

Os segredos das marcas vencedoras – Feira EBS 2019

Relacionados

Como se reinventar profissionalmente na pandemia? Personal Branding é um dos caminhos

Foto: Divulgação- Virgin Money Unity/ David Wala

Fãs em cercados: o novo normal dos festivais?

Os desafios de impactar o público de forma remota

Rio de Janeiro autoriza retorno de eventos de negócios

20 tendências para inovação nos negócios pós-coronavírus

retomada-eventos-sp

Eventos retornando em SP, alento para o Live Marketing

São Paulo adia Carnaval 2021

Ampro apoia a MPV 959- adiamento da LGPD