Página Principal Revista EBS

Política Nacional de Qualificação no Turismo é lançada no Brasil

Política Nacional de Qualificação no Turismo é implantada no Brasil
Freepik
Implementação deve melhorar qualidade dos serviços do setor e possibilitar requalificação dos trabalhadores

Em parceria com a Universidade de Brasília, empresários e profissionais do setor de turismo, o Ministério do Turismo desenvolveu diretrizes para os trabalhadores da área. A chamada Política Nacional de Qualificação no Turismo foi lançada na última terça-feira (27/03), pelo ministro Marx Beltrão, com o objetivo de traduzir os anseios e demandas do setor por serviços e mão de obra qualificados.

Durante reunião do Conselho Nacional de Turismo (CNT), em Brasília, Beltrão afirmou que o turismo gera um em cada dez empregos no mundo, o que demonstra a dimensão da atividade no contexto da economia global. “No Brasil, o setor emprega sete milhões de pessoas, direta e indiretamente, e a meta é chegar a nove milhões de empregos até 2022. A qualificação se coloca como condição importante para ampliarmos a empregabilidade por meio do turismo e contribuir efetivamente com os esforços do governo federal para enfrentar os desafios da educação profissional no país”, disse.

A implementação da Política Nacional de Qualificação no Turismo deve melhorar a qualidade dos serviços do setor e possibilitar a requalificação dos trabalhadores, bem como a qualidade dos serviços de quem já está no mercado. As diretrizes presentes no documento estão alinhadas às metas globais do Plano Nacional de Turismo (PNT), também divulgadas na terça-feira, pelo Conselho Nacional de Turismo. “Sem qualificação não temos como avançar. Quanto mais qualificados forem os serviços e produtos turísticos, mais competitivo será o destino Brasil”, declarou Neusvaldo Lima, diretor de planejamento e gestão estratégica do Ministério do Turismo.

Nos últimos 15 anos, o Ministério do Turismo investiu cerca de R$ 14 bilhões em infraestrutura dos destinos. Neste contexto, a Política Nacional de Qualificação no Turismo deve auxiliar na condução dos planos e programas que serão traçados, respeitando características particulares de cada local, perfil do público e modalidades dos cursos de formação.

Relacionados

Feira EBS oferece oportunidade de gerar negócios

Costa Firenze, novo navio da Costa Cruzeiros, inicia operação em outubro de 2020

Feira EBS traz palestra sobre assédios sexual e moral em eventos

RIO2-2019

Rio2C 2019 traz programação variada sobre inovação e criatividade

O futuro ao MICE pertence

Liderança na Era Exponencial

Nova Lei de Proteção de Dados será tema do próximo AMPRO Live Talks

Automec 2019 abre credenciamento para visitantes