Página Principal Revista EBS

FOHB: as tendências do turismo pós-vacina

Foto: Nena Maric / Pixabay
Webinar gratuito aborda algumas tendências do setor hoteleiro

Publicado em 21/05/2021

A pandemia acelerou as transformações tecnológicas que estavam previstas para os próximos anos, além de alterar a forma de relação entre os viajantes e os meios de hospedagem. Diante de tantas incertezas que a COVID-19 trouxe para o mercado hoteleiro, algumas tendências vieram para ficar, como por exemplo, o bleisure.

Segundo a pesquisa Insights para o Turismo, publicada no final de 2020 pelo TRVL Lab, 35% dos respondentes afirmam terem estendido uma viagem de negócios nacional para aproveitar o destino a lazer.

Essa é uma das tendências que o FOHB – Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil, demonstrará durante webinar na próxima quarta-feira (26), das 09h30 às 10h30, com o apoio da Mapie e Phocuswright e conteúdo organizado e mediado pela plataforma Mercado & Consumo.

O evento irá contar com a participação de Orlando de Souza, presidente executivo do FOHB; Carol Haro, fundadora e sócia-diretora da Mapie e André Sena, chief digital officer da Accor.

Essa segunda edição da série “Trilhas de Conhecimento”, que será realizada mensalmente ao longo de 2021, intitulada “Bleisure, nomadismo virtual e viagens-revanche: você está preparado para o turismo pós-vacina?” tem como foco principal debater o novo comportamento do viajante de lazer e de negócios, assim como preparar os negócios para o pós-vacina.

O covid-19 mostrou que o nomadismo digital, cresce a cada dia, por conta dos contratos de trabalho mais flexíveis e pelo home office. Nesse sentido, profissionais procuram lugares bem equipados para trabalhar remotamente, assim como qualidade de vida e segurança durante sua estadia.

Outro ponto importante que será abordado no webinar são as viagens-revanche. De acordo com a pesquisa Pulso Turismo Covid-19 do TRVL Lab, 47,85% dos brasileiros têm alta probabilidade de fazer uma viagem a lazer nos 6 meses após receberem as vacinas.

“Diante dessas perspectivas surgem diversas dúvidas: que oportunidades existem para adaptar os negócios existentes? O que esperam encontrar no meio de hospedagem em viagens a lazer e a negócios? Quais os impactos dessas transformações no setor hoteleiro? Nosso propósito com o debate é justamente possibilitar que o setor se prepare para esses desafios de forma estratégica baseada em dados e estudos”, comenta Orlando de Souza.
 
Saiba mais

Feito para ser um ciclo de debates completo, o Trilhas de Conhecimento será realizado em duas etapas: a primeira, seis encontros online no período de abril a outubro, disponibilizados também em formato de podcasts e reportagens. E a segunda, o encerramento do ciclo de debates, que será no III Fórum Nacional da Hotelaria, no modelo de evento híbrido, em 18 de novembro de 2021, no Hotel Transamérica São Paulo. Os eventos da entidade contam com os mantenedores: Grupo R1, Elo, CVC Corp, Equipotel, Omnibees e Vega IT. Além dos patrocinadores: CNC, Novotel Morumbi e RCI e dos apoiadores ABIH, Adibra, BLTA, FBHA, Resorts Brasil, Sindepat e Unedestinos.

Fonte: Assessoria

Relacionados

Tendências para os Eventos 4.0

Acreditando no reaquecimento do mercado, Hilton assume Almenat em São Paulo

FOHB anuncia nova diretoria

tendência consumidor 2021 -

10 Principais Tendências Globais de Consumo 2021

Seis tendências em educação digital

Expo Retomada abre credenciamento para etapa presencial

Decreto autoriza a realização de eventos em Centros de Convenções e Hotéis no Rio de Janeiro

Os desafios de impactar o público de forma remota