Página Principal Revista EBS

Feira da Indústria da Mineração BRASMIN será em maio

Foto: Tom Fisk / Pexels
Evento será realizado de 24 a 26 de maio de 2022, no Centro de Convenções de Goiânia.

Publicado em 20/04/2022

As regiões Centro-Oeste e Norte, junto com Minas Gerais, são destaques da atividade mineradora no Brasil. E nesse contexto geográfico, o Estado de Goiás é referência importante enquanto polo do desenvolvimento da mineração nacional. Por isso, Goiânia foi escolhida para sediar a BRASMIN – Feira da Indústria da Mineração e o 7º. Encontro Nacional da Média e Pequena Mineração.

Agenda: de 24 a 26 de maio de 2022, das 14h00 às 20h00, no Centro de Convenções de Goiânia. Credenciamento no www.brasmin.com.br .

O Encontro é organizado pela revista Brasil Mineral, editada há mais de 38 anos. O evento, no seu todo, conta com organização da PROMA Feiras, sob o comando experiente de José Roberto Sevieri. A promoção internacional é da Emme, com grande experiência em eventos fora do Brasil. Já a entidade realizadora é a ABPM – Associação Brasileira das Empresas de Pesquisa Mineral.

Tanto a BRASMIN como o 7º. Encontro têm o objetivo de discutir e realçar o papel da Média e Pequena Mineração no País. Das mais de 9 mil empresas mineradoras do país, a maioria delas é de pequeno e médio porte. A despeito de produzirem bens minerais essenciais à qualidade de vida das pessoas, são secundarizadas nas políticas do setor.

Por seu grande número, as pequena e médias empresas têm peso relevante na demanda por equipamentos, produtos e serviços para mineração. Um número expressivo delas já confirmou presença em ambos os eventos, em busca de relacionamento, negócios e ampliação das atividades nesse setor indispensável da economia brasileira e mundial.

História

A economia brasileira sempre teve uma relação estreita com a extração mineral. Desde o Brasil Colônia, a mineração foi responsável por parte da ocupação territorial do país e constitui um dos esteios da economia nacional. Fornece matérias-primas utilizadas pela maioria das indústrias – da metalúrgica à eletroeletrônica, passando por fertilizantes, construção civil, aeronáutica, petroquímica e farmacêutica, entre outras.

O setor também é um dos grandes responsáveis pela interiorização do desenvolvimento. Em 2018, representou 8,5 % do PIB, chegando a 62,5 bilhões de dólares.

O território brasileiro é pródigo em substâncias minerais as mais variadas, a exemplo do nióbio, minério de ferro, ouro, bauxita, cobre, lítio, tantalita e manganês entre outros.

A atividade gera milhares de empregos diretos e indiretos. Em 2018, havia mais de 600.000 pessoas empregadas na mineração. E o setor gerou um saldo de 17,7 bilhões de dólares na balança comercial.

Fonte: Assessoria

Relacionados

Feira EBS anuncia 80% de comercialização da planta 2022

Eventos cadastrados no Calendário do MTur mais que triplica em dois meses

Alexis Pagliarini fará a Fala Magna no World Creativity Day 2022

ESTÉTICA IN RIO mostra um mercado propício aos bons negócios

GL events tem nova estrutura organizacional no Brasil

“ESG – Estamos ESGotados”- AMPRO expõe condutas equivocadas

Setor unido: ICCA anuncia evento no Brasil em 2022

Alíquota zero para o setor de Eventos