Página Principal Revista EBS

Eventos cadastrados no Calendário do MTur mais que triplica em dois meses

Foto: Pixabay
São 741 atrações previstas até o final do ano. Cadastramento pode ser feito gratuitamente por produtores e gestores estaduais e municipais

Publicado em 28/04/2022

A retomada do turismo e a volta dos grandes eventos já são uma realidade e o Calendário Nacional de Eventos do Ministério do Turismo reflete este momento de confiança e de recuperação do setor. Em fevereiro deste ano, o sistema contabilizava pouco mais de 200 eventos a serem realizados em 2022. Agora, em abril, já são 741 atividades previstas até o fim do ano.
 

“Este salto da quantidade de eventos, de quase quatro vezes o número registrado no início do ano, mostra que, daqui para frente, não tem outro caminho a não ser o de crescimento do turismo. A retomada das festas e feiras movimenta toda a cadeia turística e gera emprego, renda e desenvolvimento para o Brasil”, destacou o ministro do Turismo, Carlos Brito.
 

Os estados com maior número de atrações cadastradas são São Paulo (149), Rio de Janeiro (72), Amazonas (59), Rio Grande do Sul (53), Bahia (45), Minas Gerais (43) e Tocantins (41). Clique AQUI e confira os eventos por estado.
 

CALENDÁRIO – O Calendário Nacional de Eventos do Ministério do Turismo visa dar mais visibilidade a shows, feiras, festas e outros encontros que ocorrem em todo o Brasil. As informações contidas no sistema são coletadas de forma colaborativa e cedidas por produtores e secretarias estaduais e municipais de Turismo. O catálogo é uma importante fonte de consulta, que auxilia o turista no momento de planejar suas viagens e escolher destinos com atrativos diferenciados e diversificados, além de gerar informações de qualidade sobre a oferta turística do Brasil.
 

COMO CADASTRAR – Para inscrever uma festa gratuitamente no Calendário, o usuário deve acessar o site e incluir os dados do solicitante e do evento. Depois, é só clicar em “submeter” e aguardar a análise, aprovação e divulgação da equipe técnica do MTur. Se aprovado, o evento é incluído no Calendário e fica visível para milhares de pessoas.
 

Entre os eventos que podem ser inseridos no Calendário estão os que pertencem às categorias artístico, cultural e folclórico, religioso, rural, cívico, gastronômico e esportivo. Em caso de dúvidas, confira mais informações no Manual de Preenchimento.

Relacionados

Feira EBS faz nova chamada de credenciamento para a 20ª edição

Campus Party Brasil é adiada para novembro; evento será no Anhembi, em São Paulo

FuturePrint 2022 será presencial e volta a ser o encontro das tecnologias de impressão e fomento ao desenvolvimento do setor

Conferência Europeia UFI termina com sentimento de otimismo para o futuro do MICE

NICE Interactions Live 2022 apresenta estratégias para valorizar a experiência do cliente e recebe George W. Bush e George Clooney

INOVAPLASTIC será realizada em 2023

NürnbergMesse Brasil será a organizadora da feira nacional do setor calçadista

Futurecom retoma evento presencial este ano como principal conexão do ecossistema das TICs