Página Principal Revista EBS

Nova data 2021: Escolar Office Brasil

Foto: Andreas Lischka / Pixabay
Feira Escolar é adiada para 2021

Publicado em 29/05/2020

A Francal Feiras, que desde o início da pandemia da Covid-19 vem acompanhando atentamente os impactos nos mercados em que atua, reavaliou a viabilidade de realização da Escolar Office Brasil neste ano, previamente agendada para 2 a 5 de agosto.

Sendo assim – e em respeito ao tempo necessário para estudos do cenário, negociações com o pavilhão de exposições e diálogo com o mercado –, a promotora comunica que a Escolar Office Brasil foi adiada para 1º a 4 de agosto de 2021, no Expo Center Norte, em São Paulo, data reconhecidamente estratégica para o abastecimento do varejo com as novidades do período de volta às aulas.

Tal decisão foi tomada com muita seriedade e diálogo franco e transparente com entidades e empresas representativas do mercado de produtos para papelarias, escolas e escritórios, seja com a criação de um Conselho de Expositores, seja em contatos individualizados com as empresas.

Juntas, promotora e mercado buscaram atender da melhor forma possível às particularidades do setor, considerando sua sazonalidade e os impactos da quarentena nos negócios, operações e capacidade de investimento de toda a cadeia.

À preocupação com a saúde de todos os públicos envolvidos somou-se o provável comprometimento dos negócios durante a feira por conta do risco da baixa visitação – que seria influenciada não só pelas dificuldades de locomoção, mas principalmente pela hesitação, por parte do varejo, de comparecer num período de início da gradual retomada de suas atividades e de sua recuperação financeira.

Fonte: Assessoria

Relacionados

Validade dos profissionais no mercado de trabalho

Medical Fair Brasil anuncia data para edição 2021

São 840 mil empregos ameaçados no setor de eventos no Paraná

turismo brasileiro

5º Fórum Brasileiro de Turismo debate o crescimento do setor no pós Covid-19

Rio de Janeiro adia a reabertura de teatros, cinemas e casas de eventos

prejuízo-eventos-pandemia

Eventos: R$ 90 bilhões em prejuízo pela pandemia

Transformação digital e o “novo normal” para o setor de eventos

CES 2019

CES, maior conferência de tecnologia do mundo, será virtual em 2021