Página Principal Revista EBS

Show reúne 5.000 pessoas em Barcelona, após testes de covid-19

Foto: Assessoria/Divulgação
Os fãs assistiram a um concerto no Palau Sant Jordi, o primeiro concerto massivo desde o início do surto de coronavírus

Publicado em 29/03/2021

Em Barcelona, os fãs da banda indie espanhola Love of Lesbian, puderam se abraçar, dançar e cantar no show que foi realizado no último sábado (27).

Depois de fazer testes rápidos do COVID-19, todos os participantes puderam reviver a indústria da música ao vivo na Espanha.

“Foi espetacular. Nos sentimos seguros em todos os momentos. Estávamos na primeira fila e sentimos muita saudade”, disse o publicitário Salvador, na saída do evento. “Estamos muito orgulhosos por ter participado nisso. Esperamos que seja o primeiro de muitos.”

Depois de um ano de distanciamento social, os fãs dançaram próximos uns dos outros, mas o mar de rostos cobertos de máscaras mostrou que as coisas não voltaram ao normal.

O início do concerto foi atrasado, pois antes de entrar na arena, cada participante foi submetido ao teste rápido de Covid-19, porém o espírito de celebração não foi abalado.

Foto: Divulgação

“Bem-vindo a um dos shows mais emocionantes de nossas vidas!” , disse Santi Balmes ao recepcionar a plateia.

O show teve a aprovação do governo Espanhol e servirá como um teste para saber se eventos semelhantes poderão ser retomados.

Os participantes realizaram os testes pré-show em três locais de Barcelona, que contaram com 80 enfermeiras usando equipamento de proteção individual completo. 

Por volta do meio-dia, três das 2.400 pessoas já examinadas tinham resultado positivo e uma entrou em contato com um caso positivo, disse o Dr. Josep Maria Libre, médico que supervisionou os testes. Eles não puderam comparecer ao show e seriam reembolsados.

Realização dos testes pré-show – Foto: Divulgação

Os participantes receberam os resultados do teste de antígeno em 10 a 15 minutos por meio de um aplicativo em seus telefones. O teste e a máscara foram incluídos no preço do ingresso.

“Acredito que hoje tornamos uma coisa realidade que é mostrar ao mundo que a cultura é segura”, disse Ramon, um dos participantes.

Fonte: Reuters

Relacionados

Oktoberfest é cancelada novamente

Show-piloto: bons tempos de volta na Inglaterra, pelo menos por uma noite

Em Barcelona, show teste para 5.000: não há sinal de contágio de Covid-19

Nova Zelândia livre: 50.000 fãs assistem a show

“ABCasa Live On” terá um mês de lives com os melhores fornecedores do Brasil

Lições do CES 2021 para gerar receita com eventos virtuais

SP poderá ter eventos com 25% da capacidade na fase de transição

Alívio na pandemia: plano de recuperação para os setores de eventos e de turismo é aprovado no senado