Página Principal Revista EBS

Entidades internacionais buscam tranquilizar mercado de eventos após cancelamentos por conta do Coronavírus

Associações da indústria corporativa entraram em cena para tranquilizar os visitantes de eventos e feiras, principalmente das que serão realizadas na Europa, em relação à epidemia de Coronavírus Covid-19

Associações da indústria corporativa entraram em cena para tranquilizar os visitantes de eventos e feiras, principalmente das que serão realizadas na Europa, em relação à epidemia de Coronavírus Covid-19, depois que ele forçou o cancelamento do Mobile World Congress em Barcelona, Espanha.

O importante evento deveria ocorrer de 24 a 27 de fevereiro na Fira Barcelona, ​​mas foi cortado após a saída de grandes expositores, citando temores por conta da disseminação do vírus e interrupções nas viagens.

A presidente da UFI, Mary Larkin, divulgou uma declaração dizendo: “Temos simpatia e apoio a todos os afetados pelo atual surto de COVID-19, direta ou indiretamente. A indústria de exposições e eventos existe para fornecer plataformas para que pessoas e indústrias se encontrem, negociem e colaborem”.

Para Mary, esses eventos são especialmente importantes em tempos de crises. “É nossa obrigação manter oportunidades para que as pessoas se encontrem sempre que possível. Pequenas e médias empresas em todas as indústrias, em particular, dependem de exposições. E, como todos os tipos de eventos, eles apoiam a economia em todo o mundo. Confirmamos que apoiamos os mercados e as comunidades que atendemos e somos resilientes em tempos difíceis. Estamos prontos para demonstrar isso de novo e faremos nossa parte para superar a situação atual”.

Alemanha emite declaração

A AUMA, a Associação da Indústria Alemã de Feiras, também divulgou uma declaração: “Na Alemanha, todas as feiras acontecerão conforme o planejado. Os organizadores da feira alemã estão em contato próximo com as autoridades de saúde pública. Atualmente, eles não veem razão para limitar a realização de feiras. A saúde dos visitantes, expositores e participantes adicionais tem prioridade máxima.

Segundo a declaração, os organizadores da feira alemã tomaram inúmeras medidas para proteger da melhor forma possível a saúde dos participantes da feira. “Essas medidas variam de saneamento específico a serviços médicos no local e são baseadas em recomendações da OMS (Organização Mundial da Saúde) e organizações científicas reconhecidas, como o Robert-Koch-Institut”, finaliza.

“As feiras na Alemanha representam a melhor proteção possível à saúde, a fim de garantir a característica internacionalmente apreciada de conectar visitantes e expositores de todo o mundo”.

Relacionados

Tempos e Movimentos

Paulo Octávio deixa vice-presidência da Reed Exibitions Brasil

Acompanhe: novas datas de eventos adiados em função do COVID-19

Comunicado da UBRAFE: Adiamento das feiras e eventos

feira ebs

Comunicado: Feira EBS 2020 é adiada para Julho

AMPRO assina carta por medidas emergenciais

Ministério da Saúde recomenda cancelamento apenas de eventos em massa

Germany Travel Mart é adiada para 2021