Página Principal Revista EBS

Ministério da Saúde recomenda cancelamento apenas de eventos em massa

O governo ainda pediu para que se o evento não puder ser cancelado ou adiado, seja realizado sem público

O Ministério da Saúde, por meio de uma videoconferência transmitida pelo nesta sexta-feira (13/3), fez nova recomendações gerais para os estados do Brasil e outras específicas para os locais com transmissão local e comunitária do novo coronavírus (COVID-19). Uma delas é o cancelamento ou adiamento de grandes eventos, sejam eles governamentais, esportivos, culturais ou políticos.

Eventos e atividades em locais fechados com aglomeração (a partir de 500 pessoas), sejam eles governamentais, esportivos, artísticos, culturais, políticos, científicos, comerciais, religiosos e outros: os organizadores ou responsáveis, devem cancelar ou adiar, se houver tempo hábil. Não sendo possível, recomenda-se que o evento ocorra sem público.

Entre os eventos já cancelados e/ou adiados estão: Intermodal, Feicon Batimac e Laad Security.

Relacionados

Prefeitura cancela Oktoberfest Blumenau 2021

EXPO RETOMADA reafirma protocolos para retorno seguro dos eventos de negócios

EXPO RETOMADA recebe mais de 800 visitantes testados em Santos

ABCasa Fair volta ao calendário de eventos da capital paulista

Tendências para os Eventos 4.0

ABEOC Brasil tem parceria com Câmara Nacional de Arbitragem de Eventos e Turismo

Setor de eventos se considera preparado para o retorno das atividades, aponta pesquisa

SP anuncia 10 eventos-teste para definir protocolos de retomada